sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Audiência do Bitites

O Bitites nunca foi um blogue de muita audiência. Provavelmente pela irregularidade com que publicamos o que quer que seja mas, compreenda-se, este é um sítio onde se desabafa nos intervalos do trabalho. E nós trabalhamos todos muito. :-)

De qualquer maneira temos quem nos leia, e de vez em quando há que olhar para as estatísticas. Coisa que já não fazíamos há uns tempos. Curiosamente, há mudanças.

A primeira mudança que salta à vista é que Portugal - o país de origem dos colaboradores deste blogue - deixou de ser o principal contribuinte nas consultas. É o Brasil que vai à frente agora. (Oi?) É natural. Com uma população lusófona 20 vezes maior que "a terrinha", seria de esperar que acontecesse mais tarde ou mais cedo. Não podemos, também, deixar de nos espantar  com as visitas da China, do Irão, da Rússia e da Ucrânia. Não estávamos nada à espera... mas são todos muito bem-vindos, é claro. :-)



Mas como este é um blogue sobre tecnologia não podemos deixar de olhar para as estatísticas dos browsers e dos sistemas operativos. Não que sirva para alguma coisa... :-)

Como adeptos do modelo open-source, muito nos apraz ver na lista dos browsers o Firefox num confortável primeiro lugar. E ver o Chrome a aproximar-se do IE também é uma boa notícia. Já quanto aos sistemas operativos, a revolução ainda está por acontecer...



Enfim: venham de onde vierem, usem o browser que vos der jeito, no sistema que tiverem mais à mão - mas apareçam.

Obrigado pela vossa visita. Voltem sempre. :-)

Comunidade Portuguesa de Alfresco (2)

A Comunidade Portuguesa de Alfresco foi criada em 2008 para dar suporte independente, em português, aos utilizadores desta excelente plataforma de gestão documental. Disso demos notícia aqui no Bitites nessa altura.

Essa comunidade estava implementada unicamente sobre Google Groups, designando-se "alfresco-pt", e conta hoje em dia com cerca de 180 membros.

No entanto, certas funcionalidades do Google Groups foram descontinuadas (ficheiros, páginas, etc.). Como algumas dessas funcionalidades estavam a ser usadas na Comunidade, optou-se por criar um site no Google Sites e manter o grupo alfresco-pt a suportar a troca de mensagens entre os membros.

Aqui ficam os urls respectivos:
Site da Comunidade Portuguesa de Alfresco - http://sites.google.com/site/alfrescopt/
Fórum da Comunidade Portuguesa de Alfresco - http://groups.google.com/group/alfresco-pt/